Powered by Bravenet Bravenet Blog

WebMaster

journal photo

Subscribe to Journal

Friday, June 12th 2009

7:34 AM

Eliezer Teixeira da Fonseca «Esgóia»

Colega falecido.....Paz à sua Alma


Ó 31!... presente!...
outra vida iniciada
Marcar passo, olhar em frente
Lá vai o nosso camarada.

Já devem ter reparado,
Que do Esgóia estou a falar,
Esse rapaz destravado,
Que é barra a chatiar.

Punha  Escola em alvoroço,
Com seu gritos e corridas.
Atirava pão ao almoço
Ia à noites p'ras «batidas».

Agora que o fim do curso,
Talvez nos vá separar,
A ti, meu «mais chato amigo»
desejo venturas sem par.

Um abraço do amigo CUCA



Ouço passos. É o Serra a correr
Onde vai o maluquinho?
Vou esconder-me num cantinho
Que o Esgóia quer me bater.

O Esgóia é esse rapaz
Que está aí ao lado
E que ainda não foi capaz
De estar um minuto parado.

Se na tropa não morreres
Desejo-te vida calma
Mas se lá desapareceres
Tenha paz a tua alma.

Do MICKEY



Atenção malta...
Vem aí os Esgoia,
O papa-papa
Com cara de jóia.

Agora já não vai à copa
Ver como está o supermercado
Ele coitado, está na tropa
A tirar o curso de soldado.

Aguenta aí militar
Que essa vida faz-te bem
Não podes correr,brincar
Nem morder em mais ninguém.

E agora vou terminar
Só te quero desejar
Felicidades em par.

SERRA

 


Eliezer Teixeira Fonseca (Furriel) morto em combate em 1967

Correio da Manhã 07 de Junho de 2007

 
Memórias de Guerra 1961/1974
 
0 Comentários.

There are no comments to this entry.

Post New Comment

No Smilies More Smilies »