Powered by Bravenet Bravenet Blog

WebMaster

journal photo

Subscribe to Journal

Monday, June 15th 2009

1:30 PM

Manuel Luís Ferreira «Velho»


Sempre calmo e calado
Nos corredores asseia sozinho
Com meio sorriso esboçado
O nosso bom do «Velhinho».

Logo que nos conhecemos
Logo amigos ficámos
E nem vale a pena contar
Que bons bocados passámos.

Depois de finalista
Regente vais sair
Ainda aqui passo mais dois anos
P'ra daqui me safar.

E nestes 2 anos recordas
Os nossos velhos serões
Eu nesta velha Escola
Encho-me de velhas recordações.

E para terminar
Este teu bom amigalhaço
Além de todas as felicidades
Junto te manda um abraço.

Do teu amigo TORRES



Velho caduco e resmungão
 De ti eu não me esqueci
Como vês aqui estão
Também uns versos para ti.

Não esqueças aquele Domingo
Aquela Páscoa tão alegre
Que andaste cantando e rindo
Saltando mais que lebre.

Quão felizes que nós fomos
Eis que tudo acabou
Regentes agora somos
Tudo o resto terminou.

Felicidades te deseja por toda a vida fora o amigo CARDOSO



De Caconda veio
Este saudoso Ferreira
antigo amigo e companheiro
Das farras em Sá da Bandeira.

Na Escola o encontrei
Por «Velho» alcunhado
Com ele, a malta, relembrei
O tempo já passado.

Finalmente, caro colega
A vitória alcançaste
depois de muita persistência e fadiga
O curso terminaste.

Felicidades sinceras te deseja o amigo SÉRGIO FERNANDES



Uns versos me pediste
Uns versos te vou fazer
Velho cheio de sinusite
Que te deu que fazer.

De Caconda saíste
Para aqui  vir parar
Até que enfim conseguiste
este curso tirar.

E agora para terminar
Felicidades, dinheiro e amor
Te deseja o amigo Torrinha.

CABEÇAS



Embora velho e alquebrado
O curso chegou a findar
Amigo, esquece-te do passado
Pois nova vida vais iniciar.

Felicidades nessa nova vida
São os votos do CABILHA.



Velho! Acabaste o curso de Regente
Mesmo com toda essa preguiça
Zanguei-me contigo, injustamente
Desculpa.Fui uma criança.

Alcunhado de inocente
Alcunha que não lhe cabia
Já que este Regente
Com «quitias» se metia.

Para este Curso que te orgulha
Só te posso desejar felicidades...
Grandes alegrias e amores...

Estes são os votos sinceros do amigo  ORNELAS «Fagulha»



A esta escola chegou
Já tarde para começar
Mas com boa vontade acabou,
Ou melhor, vai acabar.

Certamente já adivinharam
Que falo do nosso Velhinho
Mas, respeitinho - já pensaram
Que ele já tem um netinho?

O reumatismo dá-lhe cabo
E nas dobradiças tem ferrugem,
Mas, apesar de velho, ainda o gabo
Por um hábito que ele tem:

-Um passeio diário à nascente
«Para pôr o físico em forma».
reparem que há pouca gente
Que segue à risca esta norma!

Não afines amigo Ferreira
Por tudo o que estive a dizer
Que p'ro futuro Deus queira
Que a tua vida seja só prazer.

Do teu amigo e colega BRANCO DE CASTRO  «Bituite»











 
0 Comentários.

There are no comments to this entry.

Post New Comment

No Smilies More Smilies »